Youtuber de Osasco é acusado de racismo contra jogador da França por milhares de internautas

0

A primeira partida das oitavas de final da Copa do Mundo, disputada entre França e Argentina, foi o assunto mais comentado do Twitter na manhã deste sábado (30). A partida terminou com vitória francesa por 4×3, sendo que dois dos gols da França foram marcados pelo camisa 10 Kylian Mbappé.

publicidade

O nome do herói francês da partida, logo após o primeiro gol, ganhou as redes. Entre os comentários sobre o atleta, que é negro, um do youtuber osasquense Júlio Cocielo, no Twitter, onde ele tem 7,4 milhões de seguidores, causou polêmica por ter cunho supostamente racista para milhares de internautas. Ao comentar uma das arrancadas de Mbappé, Cocielo escreveu: “Mbappé conseguiria fazer uns arrastões top na praia, hein?”.

O youtuber foi acusado de racismo por muitos seguidores. “Todos aqui sabemos que ele NUNCA falaria aquilo sobre um atleta branco, já que existem tantos que correm tanto ou até mais que o Mbappé”, comentou um internauta. “Não pensa 5 min antes de abrir a boca pra falar m… racista”, postou outra.

publicidade

Com a polêmica, Cocielo apagou o tweet. “Até deletei! Já começou a aparecer [pessoas reclamando]! Tá f***! Uma galera assimila a piada sobre velocidade a outras coisas, nada a ver! O erro tá vindo delas mesmas e não percebem”, escreveu o youtuber osasquense.

“Apaguei porque meu negócio não é ofender, não citei nada além da velocidade dele devido ao lance do jogo, não quero treta. Só deixei pra lá porque não era esse o sentido e não quero levar isso além. É isso, não quero que confundam as coisas”, disse em resposta a outro usuário.

publicidade

“Se fosse o Griezmann [jogador branco] no lance do pênalti, eu diria o mesmo. Apenas pensei na questão da velocidade, nada além disso, entende? Podia ser minha mãe correndo daquele jeito que eu diria o mesmo! [risos]”, completou Cocielo.

A cidade de Osasco é tema de diversos comentários do Youtuber em seus vídeos e apresentações de stand up. Em uma delas, ele diz que há uma grande quantidade de prostíbulos no município. “Osasco tem muito puteiro. Você entra na padaria, acha que é padaria, é puteiro. Tudo é puteiro em Osasco. Puta, em Osasco, tem mais concorrência que vestibular de medicina”.

LEIA TAMBÉM:
Não é só no Danilo Gentili: Osasco vira “alvo” dos humoristas

Com Revista Fórum

Comentários