Além de Osasco, outras 5 cidades da região não devem aumentar passagem; Carapicuíba segue indefinida

Reajuste da tarifa costuma ocorrer no período da virada do ano nas cidades da região metropolitana

0
onibus barueri
Foto: Alisson Roberto / divulgação

Além de Osasco, Prefeituras de outras cinco cidades da região confirmaram que as tarifas de ônibus municipais não terá reajuste nesta virada do ano, quando tradicionalmente o aumento da passagem acontece.

publicidade

O preço deve continuar o mesmo em Barueri, Cotia, Itapevi, Jandira e Pirapora do Bom Jesus, aponta levantamento feito por reportagem da TV Globo nesta terça-feira (29). Em Carapicuíba, a situação seguia indefinida até a noite desta terça, de acordo com o mesmo levantamento.

Em Itapevi, além da barrar o aumento a Prefeitura estuda a abertura de uma nova licitação que pode resultar na substituição da Benfica, empresa que opera há anos no município. “O atual contrato, atendido pela empresa Benfica, existe há mais de uma década. Neste período a população aumentou, novos bairros foram constituídos, ruas abertas e o serviço já não atende mais a demanda”, declarou, em outubro, o prefeito Igor Soares (Podemos).

publicidade

O reajuste das passagens de ônibus municipais costuma ocorrer no período da virada do ano nas cidades da região metropolitana de São Paulo. A temporada de alta na tarifa foi aberta por Caieiras e Franco da Rocha, onde o preço foi de R$ 4,80 para R$ 5,00.

Em Osasco, as empresas de ônibus defendiam que a passagem subisse para até R$ 5,99, alegando alta nos custos para manter o sistema desde o último aumento, em janeiro de 2019. Mas o prefeito Rogério Lins (Podemos) anunciou que o valor da tarifa será mantido em R$ 4,50.

publicidade

Comentários