Centrais, sindicatos e movimentos sociais organizam atos em Osasco nesta sexta

1
Estação CPTM Osasco
Os manifestantes, em número reduzido, devem se concentrar em frente à Estação Osasco da CPTM, a partir das 12h30 / Foto: Marcelo Deck

Nesta sexta-feira (10), centrais sindicais, sindicatos e trabalhadores realizam o Dia Nacional de Mobilização “Fora Bolsonaro” em defesa da democracia, dos direitos trabalhistas e para pedir ao governo Bolsonaro ações que evitem novas mortes pelo novo coronavírus. Em Osasco, o Sindicato dos Metalúrgicos vai se organizar, junto a outras entidades e movimentos sociais, a partir das 12h30, na Estação Osasco da CPTM.

publicidade

Após a concentração no centro, uma carreata deve passar nas principais rua da cidade para passar a mensagem da mobilização aos osasquenses e para destacar a marca dos milhares de mortes e milhões de infectados pela covid-19 no país. Os manifestantes estarão em número reduzido e devem seguir as medidas de segurança, como o uso de máscara e distanciamento contra o coronavírus.

O Dia Nacional de Mobilização vai concentrar ações de diversas frentes e movimentos nas redes sociais. Nas ruas, serão realizados pequenos atos em diversos pontos do país. “Vai ser dia de mostrar o nosso descontentamento com o governo Bolsonaro, que, além de atacar a democracia, a cultura, a educação, tem sua política baseada na retirada de direitos dos trabalhadores”, diz o Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região.

publicidade

Comentários

publicidade