Covid-19: morre cantor e compositor osasquense Bilo Mariano

0
bilo mariano cantor de osasco morre por covid-19
Foto: Reprodução

O cantor e compositor de Osasco Bilo Mariano morreu na manhã desta quinta-feira (4), por complicações da covid-19. Ele lutava contra a doença há cerca de três meses, mas não resistiu.

publicidade

Em dezembro, Bilo recebeu alta hospitalar e continuou o tratamento em casa, mas teve uma série de complicações respiratórias. O artista chegou a publicar uma foto nas rede sociais, onde comemorou sua recuperação. “Graças a Deus, de volta para casa. Meus amigos, agradeço a todos pelas vibrações positivas e pelo carinho, que me fizeram muito feliz. Fiquem com Deus e se cuidem o máximo que puderem. Que essa coisa horrível nos deixe viver em paz para que possamos nos abraçar de corpo e alma”, escreveu Bilo na postagem.

publicidade

Um dos símbolos da música osasquense, Bilo era conhecido por cantar na noite em bares e casas de shows nas cidades da região, principalmente em Osasco, onde morava. Ele também foi um dos fundadores da Vila dos Artistas (1976-1990), centro de debate e construção cultural e política que antecedeu a criação da Secretaria de Cultura.

Nas redes sociais, muitos amigos e pessoas que conheciam Bilo expressaram o luto pela perda. “Meu coração está triste. Osasco está de luto pela perda de Bilo Mariano. Peço que as pessoas acreditem, sejam conscientes porque esse vírus mata”, lamentou. “Mais um amigo que se vai por conta dessa doença… Descanse em paz amigão Bilo Mariano, que Deus conforte o coração de todos. Fiquem em casa, não saiam, usem máscara, álcool, se proteja e proteja seus familiares”, disse outro.

publicidade

O padre Cleiton Evangelista, da Diocese de Osasco, e o engenheiro civil e ex-presidente da Associação dos Engenheiros de Osasco (AEAO) Egydio Angerami Filho, também foram vítimas da covid-19. Eles morreram nesta quarta-feira (3), quando o país registrou 1.910 óbitos pela doença, o maior em um ano da pandemia que já fez mais de 250 mil vítimas fatais no Brasil.

 

Comentários