Duas escolas da rede municipal são reformadas em Osasco

1
Escola Municipal Osasco
EMEI Senador Jose Ermírio de Moraes, no Jardim Veloso / Foto: Marcelo Deck

A Prefeitura de Osasco entregou, na sexta-feira (7), a reforma de duas escolas da rede municipal de ensino: a EMEF Professor Olavo Antônio Barbosa Spinola, na Vila Pestana, e a EMEI Senador Jose Ermírio de Moraes, no Jardim Veloso.

publicidade

Enquanto as aulas estão suspensas, devido à pandemia de covid-19, as escolas municipais passam por reforma e modernização. A EMEF Professor Olavo Antônio Barbosa Spinola recebeu melhorias no telhado, na parte elétrica e hidráulica, além de pintura interna e externa.

Escola Municipal Osasco
EMEF Professor Olavo Antônio Barbosa Spinola, na Vila Pestana / Foto: Marcelo Deck

Cinco salas de aula receberam lousas digitais, com isso professores e alunos terão acesso à internet. O equipamento educacional também recebeu melhorias na quadra poliesportiva, com pintura, novas traves e alambrado.

publicidade

Já a EMEI Senador José Ermírio de Moraes recebeu pintura interna e externa, manutenção no telhado, elétrica e hidráulica, além de reforma nos banheiros. A escola também recebeu novos aparelhos para o playground.

Escola Municipal Osasco
EMEI Senador José Ermírio de Moraes, no Jardim Veloso / Foto: Marcelo Deck

O prefeito Rogério Lins, acompanhado do secretário de Educação, José Toste Borges, esteve nas escolas para verificar as melhorias nas instalações e conversar com professores e colaboradores.

publicidade

“A escola é um dos principais equipamentos públicos que a gente tem, porque é a partir daqui que a gente pode mudar o futuro. E vocês são peças fundamentais nesse processo. A todos os colaboradores da educação nosso muito obrigado”, disse Lins.

escola municipal Osasco
EMEF Professor Olavo Antônio Barbosa Spinola / Foto: Marcelo Deck

As aulas na rede municipal de ensino continuam suspensas em Osasco. De acordo com a administração municipal, ainda não há previsão de retorno. Durante esse período, a Prefeitura vai manter as atividades online e o “Cartão Merenda em Casa”, com valor de R$ 70, que beneficia quase 70 mil alunos.

Comentários