Entregador desabafa após longa espera e ofensa de cliente em Barueri: “me mandou tomar no c*”

1
entregador barueri
Entregador filmou atrito com cliente em Barueri após ficar, segundo ele, mais de meia hora esperando na portaria de condomínio e ser xingado / Foto: reprodução

Tem gerado uma série de reações nas redes sociais o desabafo feito pelo entregador Kauan Miguel após um desentendimento com um cliente que ele diz ter esperado por mais de meia hora na portaria de um condomínio em Barueri. O homem teria mandado o motoboy “tomar no c*” após o profissional reclamar da demora para que ele fosse receber o pedido.

publicidade

“Fui entregar uma marmita e esse ‘sem futuro’ desceu depois de 30 minutos que eu estava na portaria. Aí, quando falei pra ele que estava lá há mais de 30 minutos, que já estava quase indo embora, esse cidadão aí me mandou tomar no c* e ir se f*”, protestou o entregador, junto a um vídeo que mostra parte do atrito com o cliente, com o entregador revoltado após a suposta ofensa.

Kauan Miguel também fez um apelo por uma maior conscientização e respeito dos clientes: “Nós, motoboys, fazemos sempre o melhor por todos. Arriscamos nossa vida para levar comida para qualquer um que pedir no conforto de casa ou até mesmo em empresas onde trabalham. E ganhamos por entrega, não é por horário, não”.

publicidade
entregador barueri
“Arriscamos a vida para levar comida no conforto de casa. E ganhamos por entrega, não é por horário, não”, desabafou Kauan Miguel

Com o crescimento dos aplicativos de delivery, geraram repercussão casos de desentendimentos entre entregadores e clientes ou motoristas nos últimos meses. Em Carapicuíba, um cliente se revoltou por ter de ir buscar o lanche que encomendou na portaria do prédio e chamou o motoboy de “lixo” e “safado”, entre outras ofensas, em agosto.

No Centro de Osasco, um entregador foi ofendido e agredido por um casal após um desentendimento no trânsito, em setembro.

publicidade

Comentários