“Não se fala em terceirização da maternidade”, diz secretário de Saúde de Osasco

0

Em audiência de prestação de contas realizada na Câmara Municipal de Osasco na última quarta-feira, 30, o secretário municipal de Saúde, José Carlos Vido, negou que haja um projeto de terceirizar a Maternidade Amador Aguiar.

publicidade

“Terceirização da maternidade jamais passou pela minha cabeça, nem do prefeito. Não se fala em terceirização da maternidade. É motivo de orgulho, funciona muito bem, atende bem e não se cogita, pelo menos por enquanto, falar em terceirização”, respondeu Vido, após ser questionado pelo vereador Jair Assaf (PROS).

A atual gestão ampliou as terceirizações na Saúde, com o novo modelo de gestão indo, além do Hospital Antonio Giglio, para unidades como as UPAs Centro e Jardim Conceição.

publicidade

Comentários

publicidade