“Gatinha da Cracolândia” detida em Barueri vira ré na Justiça por tráfico de drogas

0
princesa do trafico barueri
Lorrayne Bauer: da ostentação nas redes sociais à prisão por tráfico / Fotos: reprodução / "Brasil Urgente"

A Justiça de São Paulo aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público contra Lorraine Cutier Bauer Romeiro, que ficou conhecida como a “Gatinha da Cracolândia”. A jovem de 19 anos foi presa em Barueri, em julho deste ano, acusada de tráfico de drogas.

publicidade

Agora, Lorraine passou a ser ré no processo que corre sob segredo de Justiça. Uma audiência sobre o caso foi marcada para sexta-feira (19), segundo o colunista Rogério Gentile, do Uol.

A jovem cumpria prisão domiciliar por ter uma filha pequena, quando foi detida novamente sob acusação de continuar traficando drogas, em Barueri. Segundo investigações, a “Gatinha da Cracolândia” lucrava em média R$ 6 mil por dia com o tráfico de drogas.

publicidade
gatinha da cracolândia
Fotos: Reprodução

Em entrevista à Record TV, a jovem afirmou que é usuária de drogas, mas negou ser traficante. “Nunca vendi, só ia [na Cracolândia] para comprar”, declarou Lorraine ao jornalista Roberto Cabrini.

Antes de ser presa, a Gatinha da Cracolândia ostentava uma vida de luxo aos mais de 30 mil seguidores nas redes sociais, com diversas viagens. A família da jovem negou que os passeios teriam sido bancados com dinheiro do tráfico.

publicidade

“VAMOS TERCEIRIZAR”// Apóstolo Valdemiro se revolta com greve por atrasos nos salários e dá recado

Comentários