SBT rejeita acordo com Rachel Sheherazade na Justiça de Osasco e “guerra” judicial continua

0
rachel sheherazade sbt
Foto: Reprodução

O SBT se recusou a fechar acordo com Rachel Sheherazade no processo trabalhista movido pela jornalista contra a emissora sediada em Osasco. Com isso, embate judicial em que Sheherazade pede R$ 20 milhões continua.

publicidade

As informações são do site “Notícias da TV”, que teve acesso aos documentos em que o juiz Ronaldo Luís de Oliveira, da 3ª Vara do Trabalho em Osasco, ofereceu à emissora uma forma de solucionar o caso de forma amigável.

A defesa da emissora de Silvio Santos, no entanto, contestou a ação trabalhista e negou proposta: “Conciliação rejeitada”, diz um trecho do documento. Os advogados do SBT também não apresentaram propostas para um possível acordo entre as partes, o que estende a briga judicial.

publicidade

Ainda de acordo com o “Notícias da TV”, a próxima audiência está prevista para acontecer em 8 de novembro, quando Sheherazade e o SBT devem apresentar suas versões sobre a relação de trabalho da ex-âncora do jornal “SBT Brasil”, que deixou a emissora em outubro do ano passado, após 9 anos.
Em julho, Rachel Sheherazade sofreu a primeira derrota no processo, que foi aberto em março. Ela pediu que a ação corresse sob segredo de Justiça, mas a solicitação foi negada.

No processo, a jornalista alega que não teve carteira assinada e, consequentemente, não recebeu direitos trabalhistas como 13° e férias. Sheherazade também diz ter sofrido assédio moral ao ser “humilhada” pelo patrão Silvio Santos, e que foi vítima de boicote por parte da cúpula do Jornalismo do SBT.

publicidade

DE VOLTA À UNIVERSAL// Andressa Urach diz que se batizou novamente: “Me sinto salva agora”

Comentários