De saída do SBT, Sheherazade diz que foi convidada a entrar para a política

0
Rachel Sheherazade sbt
Reprodução

De saída do SBT após entrar em rota de colisão com o presidente Jair Bolsonaro e aliados, a jornalista Rachel Sheherazade diz que teve convites para entrar para a política. No entanto, ela afirma: “Não é minha intenção no momento”.

publicidade

“Eu amo muito a minha profissão. Eu não sei quando irei parar de fazer isso. O jornalismo é um bichinho que te morde, sabe? E é isso o que eu sei fazer de melhor. Eu não vou dizer que nunca irei entrar para a política, mas no momento não é a minha intenção”, declarou Rachel Sheherazade em entrevista a Leo Dias (assista abaixo).

“Véio da Havan pediu minha cabeça”

A jornalista não terá o contrato, que vence em outubro, renovado com o SBT e busca novas oportunidades. Devido a críticas ao presidente Jair Bolsonaro, ela teve a “cabeça” pedida pelo empresário Luciano Hang, o “Véio da Havan”, um dos principais anunciantes da emissora sediada em Osasco.

publicidade

“Ele veio a público pedir a minha cabeça. Ele é um dos maiores patrocinadores do SBT e de outras grandes emissoras também. Então, ali eu já sentia alguma coisa”, afirmou Sheherazade.

“Saio com a sensação de dever cumprido”

“Saio com a sensação de dever cumprido. Tive a oportunidade de mostrar as minhas ideias em horário nobre para o Brasil inteiro. E eu acho que o papel do jornalista é um papel educador. Eu tenho certeza que dei o meu melhor e fiz o meu melhor. Eu não cedi a partido político algum. Não cedi a partidos nem a políticos. E eu fiz tudo isso sozinha. A luta de um jornalista contra o poder é sempre sozinho. Saio de alma limpa e consciência tranquila. Eu durmo muito bem com a cabeça no meu travesseiro”, afirmou a jornalista.

publicidade

Comentários