“Aos poucos, a vida vai voltando ao normal”, diz prefeito de Cotia

0
Rogério Franco Cotia
Nas redes sociais, Rogério Franco comemorou a flexibilização do horário de funcionamento dos bares e restaurantes até as 22h / Foto: reprodução

No final da tarde desta quarta-feira (5), o prefeito de Cotia, Rogério Franco, comemorou o anúncio do governador João Doria (PSDB), que liberou a flexibilização do horário de funcionamento dos bares e restaurantes até as 22h nas cidades que estão há 14 dias na fase “amarela”.

publicidade

Em um vídeo publicado nas redes sociais, o prefeito anunciou ainda que vai assinar o decreto permitindo a flexibilização nesta quinta. “Aos poucos, a vida vai voltando ao normal. Cotia está há quase 40 dias na fase amarela, por isso, já estamos providenciando o decreto para autorizar o funcionamento de bares, restaurantes e similares até às 22h”.

Rogério Franco destacou as ações para o combate ao novo coronavírus na cidade, com a implantação do hospital de campanha com 50 leitos, a distribuição gratuita de máscara de proteção para os munícipes, a fiscalização do cumprimento dos protocolos de segurança foram intensificadas, entre outras medidas.

publicidade

“Nós também tivemos a colaboração da nossa população, que continuou seguindo os protocolos de segurança, de higienização das mãos, do uso de máscaras e álcool em gel. Tudo isso foi importante para que a gente chegasse nesse resultado”, comemorou Rogério Franco.

A partir do decreto, restaurantes, bares e similares poderão funcionar com consumo no local até as 22h, desde que seja até 6 horas diárias. A ocupação máxima continua em 40% e é proibida a permanência de clientes em pé.

publicidade

Para evitar aglomerações, a recomendação é de que os clientes sejam atendidos conforme horários previamente agendados. Além da utilização de máscaras nos estabelecimentos, todos os demais protocolos de segurança devem ser seguidos à risca.

Covid-19 em Cotia

Até esta quinta-feira (6), Cotia registou 2.910 casos e 153 mortes com confirmação da doença, de acordo com o boletim divulgado pela Prefeitura. Outros 61 casos e 11 óbitos estão em investigação.

Comentários