Teatro ganha oficialmente nome de Glória Giglio

0
Fachada do Teatro ganhou inscrição com nome da ex-primeira dama

Homenagem superou diferenças políticas entre o petista Jorge Lapas e o tucano Celso Giglio. Foto: Eduardo Metroviche
Homenagem superou diferenças políticas entre o petista Jorge Lapas e o tucano Celso Giglio. Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Solenidade na noite de terça-feira, 29, no Teatro Municipal de Osasco, marcou o batismo no local com o nome de Glória Giglio, ex-primeira-dama da cidade, morta em acidente automobilístico em junho do ano passado. A lei que alterou o nome do teatro foi sancionada pelo prefeito Jorge Lapas (PT) no dia 6 de março.

A homenagem à ex-primeira-dama partiu de projeto de lei enviado à Câmara Municipal pelo próprio prefeito e aprovado por unanimidade no Legislativo. ”Nunca tive tanta certeza de uma homenagem”, disse Lapas durante a solenidade, que contou com a participação do coral dos servidores públicos. O nome de Glória Giglio foi inscrito na parte de fora do teatro e uma placa foi descerrada na parte interna.

publicidade

“Foi a cerimônia pública em que o teatro recebeu oficialmente o nome daquela que tanto lutou pela arte e pela cultura, pelo bem-estar das pessoas, que uniu e fez semear o amor ao próximo por onde passou”, disse o ex-prefeito Celso Giglio.

Além do deputado estadual Celso Giglio (PSDB), compareceram o ex-prefeito de Barueri Rubens Furlan (PMDB) e sua filha, a deputada federal Bruna Furlan (PSDB-SP), além de vereadores e secretários municipais de Osasco.

publicidade

Dona Glorinha

Fachada do Teatro ganhou inscrição com nome da ex-primeira dama
Fachada do Teatro ganhou inscrição com nome da ex-primeira dama

Primeira-dama de Osasco por duas vezes, Glória Giglio, faleceu aos 62 anos, em 2 de junho de 2013, vítima de acidente no km 163 da rodovia Castello Branco, quando voltava de viagem na companhia do esposo, Celso Giglio, de 72 anos.

Comentários