3ª Caminhada Pela Cultura de Paz de Cotia será online

0
caminhada pela cultura da paz cotia
Caminhada de 2018. Movimento que nasceu em Cotia defende o respeito aos direitos e a liberdade das pessoas / Foto: Vagner Santos

A Caminhada Pela Cultura de Paz integra o calendário cultural de Cotia. Neste ano, o movimento, que chega a sua terceira edição, será online e contará com a participação de pessoas de todo o país.

publicidade

Em todos os anos, a Caminhada Pela Cultura de Paz foi realizada em agosto. Neste ano, devido a pandemia de covid-19, o evento será online. Nesta edição, além de alcançar pessoas por todo o país, há um cronograma de atividades previstas até a Caminhada Nacional, prevista para dia 20 de setembro.

A primeira atividade que antecede a Caminhada Nacional será o Café com Axé, que será transmitida nos dias 26 de julho, 16 e 30 de agosto. O evento, que faz parte da programação da Caminhada Nacional, será transmitido nas plataformas digitais que serão divulgadas pela Prefeitura.

publicidade

A intenção da Comissão Organizadora é alcançar todas as regiões possíveis e espalhar “A Cultura Pela Paz” e “Não Violência”, a fim de envolver pessoas, coletivos e movimentos. “A Cultura de Paz não é passividade, Cultura de Paz é reverência à vida, à diversidade, defesa e respeito a todos os direitos de todas as pessoas e todas as suas liberdades, por isso, mais que nunca precisamos ampliar esta mensagem, resistir com diálogo de Paz e não violência”, explica o secretário de Cultura de Cotia, Gilmar de Almeida.

Já participam do movimento representantes das mais diversas culturas e movimentos, como a Marcha Mundial Pela Paz e Não Violência, Umbanda, Candomblé, Indígena, Educação, Culturais. Segundo organizadores, a necessidade do distanciamento social durante a pandemia pode facilitar o alcance do movimento por meio da internet.

publicidade

Em setembro, o movimento vai divulgar um documento aberto em que defende a Cultura de Paz, principalmente durante a pandemia e em situações econômicas e políticas. Mais informações podem ser encontradas na página da Caminhada Pela Cultura de Paz no Facebook.

Comentários