Início Cidades Emoção marca volta pra casa de caminhoneiro de SC sequestrado e mantido...

Emoção marca volta pra casa de caminhoneiro de SC sequestrado e mantido refém em Osasco

0
caminhoneiro sequestrado osasco
Daniel foi recepcionado com fogos de artifício e muita emoção, pela esposa, as duas filhas e outros parentes e amigos, em Santa Rosa do Sul (SC)

Muita emoção marcou a volta pra casa de um caminhoneiro morador de Santa Rosa do Sul, em Santa Catarina, que foi sequestrado e mantido refém por quatro dias em um cativeiro na região de Osasco.

publicidade

Daniel Valentin dos Santos, de 44 anos, havia sido sequestrado na sexta-feira (13). O caminhoneiro fazia entregas e retiradas por cidades cariocas e paulistas, quando foi acionado por meio de um aplicativo para levar uma carga de São Paulo ao Rio Grande do Sul. Chegando ao local de onde o transporte havia sido solicitado, na região de Osasco, Daniel foi rendido por dois criminosos, que roubaram o caminhão e o levaram a um cativeiro, onde foi mantido refém.

Os bandidos ligaram na manhã de sábado à família da vítima para pedir resgate. A Polícia Civil de Santa Catarina foi comunicada, montou uma força-tarefa, em parceria com a Polícia Civil de São Paulo, e passou a trabalhar em duas frentes: negociação com os criminosos, com participação da família, pela liberação do caminhoneiro; e investigação, para descobrir onde ele era mantido refém.

publicidade

Até que, na manhã de terça-feira, Daniel acabou libertado, sem sinais de tortura, pelos bandidos, às margens da Marginal Tietê, em São Paulo. Ele conseguiu voltar pra casa pegando carona com outros caminhoneiros, alguns que inclusive sabiam de seu sequestro, devido à troca de informações entre profissionais da área por meio do WhatsApp.

Daniel chegou em casa por volta das 16h desta terça-feira (17), levado e escoltado por policiais civis. Foi recepcionado com fogos de artifício e muita emoção, pela esposa, as duas filhas e outros parentes e amigos, na cidade de 8,3 mil habitantes.  “Eu só tenho a agradecer. Sempre tive fé em Deus que voltaria para casa. Muito obrigado aos meus colegas de profissão”, declarou Daniel, segundo o portal “Agora!”.

publicidade

O caminhão dele foi recuperado pela polícia no estado do Mato Grosso do Sul.

“A região de Osasco está muito perigosa”, diz delegado catarinense

As investigações sobre o crime continuam, na busca de prender os criminosos. “Nós acabamos descobrindo que se trata de uma quadrilha especializada, da cidade de Osasco, na Grande São Paulo, que através da oferta de fretes atrativos consegue atrair caminhoneiros que, no momento do falso frete, são assaltados”, afirmou o delegado André Coltro ao telejornal “Cidade Alerta SC”.

Ele evitou dar mais informações para não prejudicar os trabalhos de investigação. “O que a gente tem agora é que comemorar que o processo de negociação [pela liberação da vítima] foi positivo”. Um dos criminosos já teria sido identificado.

O delegado catarinense também fez alertas aos caminhoneiros, como desconfiar de ofertas muito atraentes de frete, especialmente nos arredores osasquenses, onde os bandidos aproveitam da grande quantidade de empresas de logística para atrair as vítimas. “A região de Osasco está muito perigosa, a gente tem uma incidência grande desses crimes acontecendo ali”.

Comentários