Início Política Furlan sob ameaça na Justiça Eleitoral

Furlan sob ameaça na Justiça Eleitoral

0

O prefeito eleito de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), volta a ter dor de cabeça na Justiça Eleitoral devido a duas decisões da Câmara Municipal: a rejeição das contas da Prefeitura no ano de 2011, quando ele era prefeito, e, depois, tornar nula a mesma decisão. O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Herman Benjamin acatou parcialmente recurso que pede a declaração de inelegibilidade de Furlan e a impugnação da candidatura dele a prefeito.

publicidade

Com isso, o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) vai analisar o caso da rejeição de contas e a revogação da decisão pela Câmara Municipal, que, para o ministro do TSE, não poderia voltar atrás na decisão. “Rejeitadas as contas de chefe do Poder Executivo, por meio de decretos legislativos, antecedidos de pareceres da Corte de Contas, a Câmara Municipal não pode editar novo decreto, revogando os anteriores”.

A assessoria do prefeito eleito divulgou nota na qual diz confiar “que o plenário do TSE irá confirmar as duas decisões judiciais anteriores, que haviam confirmado e deferido o registro de candidatura de Rubens Furlan”.

publicidade
Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui