PS do Santo Antônio, em Osasco, volta a ser centro de referência para casos de covid-19

0
pronto socorro santo antônio em Osasco covid-19
Divulgação

O Pronto Socorro do Santo Antônio, em Osasco, voltará a ser centro de referência para atendimento a pacientes com covid-19. De acordo com o prefeito Rogério Lins (Podemos), serão implantados 30 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nos próximos dias para atender a demanda de internações.

publicidade

Com o avanço da pandemia em todo o estado e o aumento no número de casos também em Osasco, nos últimos 10 dias, essa é a terceira ampliação de leitos realizada pela Prefeitura, que optou por não abrir hospitais de campanha provisórios. Entre outras medidas, a cidade designou os prontos socorros do Jardim D’Abril e do Helena Maria para atendimento exclusivo de pacientes com covid-19. Ambas as unidades passaram a funcionar de portas fechadas.

“Tínhamos estruturas de retaguarda, mas é importante alertar, que agora já utilizamos quase toda a estrutura que construímos, e se as pessoas não entenderem que o momento é crítico, e não mudarem de comportamento, infelizmente poderemos ter colapso de leitos, como o que está acontecendo em várias cidades do Brasil”, alertou Lins, nas redes sociais.

publicidade

Entre março e setembro do ano passado, o pronto-socorro do Santo Antônio foi utilizado como Centro de Terapia Intensiva da covid-19 e atendeu mais de 500 pacientes. Em outubro, passou por desinfecção e voltou a atender o público em geral. Agora, com o avanço da pandemia, a unidade volta a ser centro de referência para o atendimento a pacientes com o novo coronavírus.

>>> Leia também: Osasco vai aderir a consórcio para compra de vacinas contra a covid-19

publicidade

Comentários