Apesar de anúncio de acordo, grupos de caminhoneiros prometem manter paralisações

0

Apesar do anúncio, na noite desta quinta-feira, 24, de que governo e caminhoneiros chegaram a um acordo para que a categoria suspenda por 15 dias as paralisações de estradas por todo o país contra a alta no preço dos combustíveis, continuam circulando nas redes sociais vídeos e mensagens de grupos de caminhoneiros que prometem manter a mobilização.

publicidade

A falta de unanimidade também marcou a reunião entre representantes do governo e dos caminhoneiros. Uma das maiores associações da categoria no país anunciou que não concordava com o acordo e que manteria as paralisações.

O acordo anunciado pelo governo Temer inclui, entre outros itens,  a manutenção, pela Petrobras, da redução de 10% no valor do diesel nas refinarias por 30 dias enquanto o governo costura formas de reduzir os preços.

publicidade

A Petrobras mantém o compromisso de custear esse desconto, estimado em R$ 350 milhões, nos primeiros 15 dias. Os próximos 15 dias serão patrocinados pela União.

publicidade

Comentários