Doria anuncia “retomada consciente” das atividades comerciais e prorroga quarentena por mais 15 dias a partir de 1° de junho

0
Doria anuncia
O plano de reabertura das atividades comerciais no estado tem cinco fases e prevê a flexibilização da quarentena baseada em critérios, como número de casos, taxa de isolamento social, ocupação de leitos de UTI / Foto: reprodução

O governador João Doria (PSDB) anunciou, nesta quarta-feira (27), o plano de retomada gradual das atividades comerciais em São Paulo. Além da retomada consciente, o governador prorrogou a quarentena por mais 15 dias.

“A partir do dia 1º de junho, por 15 dias, manteremos a quarentena, porém, com uma retomada consciente de algumas atividades econômicas no estado de São Paulo”, declarou Doria na coletiva de imprensa.

O plano de reabertura das atividades comerciais no estado, chamado de “reabertura consciente”, tem cinco fases e prevê a flexibilização da quarentena baseada em critérios, como o aumento de casos confirmados, número de mortes, taxa de isolamento e percentual de ocupação dos leitos nas UTI dos hospitais.

Publicidade
Reprodução

“A nova fase seguirá a orientação da ciência, da medicina e da saúde, e temos dados técnicos para permitir essa retomada segura. Não vamos abrir mão de salvar vidas, mas vamos garantir um tratamento justo para que a retomada consciente aconteça em São Paulo”, explicou o governador.

A fase 1 (vermelha) é a etapa mais rígida, na qual somente os serviços essenciais podem funcionar. No plano de retomada, a Grande São Paulo, que contempla municípios como Osasco, Barueri, Carapicuíba e região, está incusa nesta classificação. Desta forma, terão de seguir os moldes da quarentena atual até o dia 15 de junho.

A flexibilização da quarentena se inicia na fase 2 (laranja), que permite a abertura de shoppings, concessionárias, imobiliárias, escritórios, com restrições, a partir de segunda-feira (1°). A capital paulista está classificada nesta fase.

A fase 3 (amarela) permite uma maior liberação de atividades. Nesta etapa, bares, restaurantes e salões de beleza podem funcionar com restrições, assim como comércios e shoppings. No entanto, atividades imobiliárias, concessionárias e escritórios podem funcionar normalmente.

Neste primeiro momento, nenhuma região do estado está classificada nas fases 4 (verde) e 5 (azul), que representam abertura parcial e de normalidade respectivamente. As academias, por exemplo, só poderão reabrir com restrições a parties da fase 4. Somente na fase 5, quando houver um controle da doença, cinemas, teatros e eventos com aglomeração poderão ser realizados.

Monitoramento constante dos indicadores

A cada sete dias, haverá uma nova avaliação para atualizar as classificações. Cada região poderá, dentro deste período, evoluir ou não, com base nos indicadores. Caso haja uma regressão dos resultados em alguma região, ela poderá retornar à fases anteriores.

“Estaremos monitorando dia a dia a evolução do processo e o respeito às medidas. Se tivermos que dar um passo atrás, não exitaremos em fazê-lo para proteger vidas. A atitude responsável de cada pessoa será fundamental nessa etapa pada o sucesso da chamada retomada consciente”, explicou Doria.

 

Comentários