Nos EUA, ex-jogadora do vôlei de Osasco é esfaqueada pelo cunhado

Nos EUA, ex-jogadora do vôlei de Osasco é esfaqueada pelo cunhado

0
Compartilhar
Danielle Scott durante partida pelo time de vôlei de Osasco em 2008 / Foto: João Pires

Com passagem pelo vôlei de Osasco e medalhista de prata nas Olimpíadas de 2008 e 2016 com a seleção dos Estados Unidos, a ex-jogadora de vôlei Danielle Scott, de 46 anos, está internada na Lousiana, EUA, após ter sido esfaqueada pelo cunhado na noite de domingo (18).

Publicidade

No mesmo ataque, Michael Vallery, cunhado de Danielle Scott, também esfaqueou a esposa, Stefanie Vallery, que morreu, e uma das quatro filhas do casal, Danielle, que ficou ferida e está internada em estado estável. Os crimes teriam tido motivação passional. O casal estava em processo de divórcio.

A ex-jogadora levou duas facadas na mão e duas no braço e precisou passar por uma cirurgia. Ela se recupera bem e deve ter alta nesta quinta-feira (22). Michael Vallery está foragido.

O ataque aconteceu após uma briga iniciada devido a Michael se recusar a assinar os papéis do divórcio. Ele começou a agredir Stefanie e a esfaqueou. Danielle e a filha entraram no quarto para tentar pará-lo e Michael partiu com a faca para cima das duas.

Compartilhar

Comentários