O demônio se veste é de racismo

0

É triste ainda encontrar, nesta época do ano, pessoas colocando em dúvida a natureza ou a necessidade de um dia de afirmação e reflexão da consciência negra. Sim, inclusive um feriado. Em geral, as mesmas pessoas curtem em casa ou passeando, com a família, um feriado religioso, sem notar que eventualmente, para outra religião, aquilo ou seria uma heresia, ou seria algo absolutamente sem significado.

publicidade

Na semana em que exaltamos o dia da Consciência Negra, ainda discutimos formas de combater o racismo. Ainda nos deparamos com estatísticas mostrando que, das mortes por ação policial, é uma esmagadora maioria negra e jovem que padece. Da diferença salarial, é a mulher negra quem ainda detém o recorde de baixa remuneração para a mesma função em comparação a um trabalhador branco.
E é nesta semana que afloram manifestações de repulsa às religiões de matriz africana, como o candomblé, a umbanda ou a macumba, como se fossem a personificação de um mal e de um ódio que, na verdade reside apenas na cabeça do racista.

É triste encontrar pessoas colocando em dúvida e necessidade de um dia de reflexão

Não são erês, abadás e patuás. É o racismo a indumentária do demônio que insiste em fazer o indivíduo incapaz de enxergar a diferença como algo natural, a ser respeitado. É ele a expressão, de fato, da incapacidade de cumprir o ensinamento cristão de se colocar no lugar do próximo.

publicidade

Ainda precisaremos de muitos dias da Consciência Negra. Precisaremos, ainda, de muitos anos de políticas de cotas e sua perspectiva de reconstrução de uma cidadania negada aos negros ao longo de gerações. Reparação por danos históricos causados pelo escravagismo no passado e pela discriminação ainda fortemente presente na nossa cultura.
Provavelmente, só terão sido dias suficientes quando a proporção de médicos, juizes, engenheiros ou quaisquer outras profissões associadas a uma formação de elite tiver entre seus quadros a mesma proporção de negros que temos em toda a sociedade.

publicidade

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFrases
Próximo artigoCharge