O desespero na busca por Vitória Gabrielly: “Até quando, Senhor?”, questiona mãe

1
Vitória Gabrielly

“Até quando, Senhor, clamarei eu, e tu não escutarás? Ou gritarei a ti: Violência! E não Salvarás? Habacuque 1:2”. A passagem bíblica postada pela mãe de Vitória Gabrielly, Rosana Maciel Guimarães, nas redes sociais, mostram o desespero da família nas buscas pela menina, desaparecida desde a última sexta-feira, 8, em Araçariguama, no interior paulista.

publicidade

A estudante, de 12 anos, foi avistada pela última vez enquanto andava de patins em direção a um ginásio da cidade que fica perto de sua casa. Desde então, não há indícios da jovem.

Testemunhas teriam avistado ela entrando em um carro preto. Veículos como os descritos foram vistoriados pela polícia, mas nada foi encontrado.

publicidade

Cerca de 50 possíveis testemunhas, amigos de Vitória e familiares já foram ouvidos pela polícia, que também quebrou o sigilo telefônico de pessoas próximas à menina.

Ontem, 13, homens da Defesa Civil, Guarda Civil Municipal (GCM) e cães farejadores de Osasco juntaram-se às buscas pela estudante.

publicidade

Cães farejadores e policiais têm vasculhado a mata local em busca da garota.

“Não procuro pensar no pior jamais. Procuro pensar que tem uma solução, que ela vai chegar com vida”, diz a mãe de Vitória.

Comentários