Pastor que participou da construção do Templo de Salomão rouba R$ 30 milhões da Universal e foge

0
templo de salomao universal
Divulgação

Um pastor formado em arquitetura que participou da construção do Templo de Salomão, em São Paulo, é acusado pela direção da Igreja Universal de ter desviado cerca de R$ 30 milhões da organização religiosa.

publicidade

O pastor arquiteto participava de projetos de obras da igreja. De acordo com informações do portal “Metrópoles”, advogados da Universal apresentaram denúncia à polícia na qual a organização afirma que ele teria direcionado contratos da instituição para uma construtora em Portugal com o objetivo de lavar dinheiro em solo estrangeiro.

Ao constatar as irregularidades, dirigentes da Igreja Universal entraram em contato para cobrar esclarecimentos do pastor, que fugiu. Até o momento, não há informações sobre o seu paradeiro. O nome do suspeito não foi divulgado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), que investiga o caso.

publicidade

Comentários

publicidade