Sem merendeiras, escolas estaduais de Carapicuíba estão dispensando alunos mais cedo
Governo estadual disse que vai regularizar contratos com merendeiras ainda essa semana

Pais e alunos têm denunciado a falta de merendeiras e, consequentemente, de merendas, em algumas escolas estaduais no município de Carapicuíba.

publicidade

As aulas voltaram na quinta-feira, 2, mas o fluxo de alunos começou mesmo nesta segunda-feira, 6. “Eles nos dispensaram mais cedo porque não tem merendeira”, disse um aluno da escola Doutor Benedito de Lima Tucunduva, na Vila Cretti.

Nesta escola, os alunos entraram às 7h e foram dispensados às 8h30 na segunda, 6. “A direção só explicou a situação e abriram os portões pra irmos pra casa”, conta.

publicidade

Nas redes sociais, há relatos das escolas Fabiana de Queiroz e Doutor Benedito de Lima Tucunduva, ambas na Vila Cretti, da Desembagador Edgar de Moura Bittencourt, na Cohab II, e na Engenheiro Sales Souto, no Centro.

Regularização acontece ainda essa semana, diz Governo do Estado

De acordo com a Diretoria de Ensino de Carapicuíba, órgão da Secretaria Estadual de Educação, eles estão fazendo a seleção de merendeiras e agentes de limpeza para a regularização.

publicidade

O governo estadual afirma que até o fim da semana os contratos serão regularizados.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui