Aprovado na Câmara de Osasco, projeto torna Wi-Fi nos ônibus obrigatório depende do prefeito

0

Os vereadores de Osasco aprovaram, em sessão extraordinária nesta quinta-feira, 6, o projeto de lei 26/2017, que obriga as empresas de ônibus que operam na cidade a oferecerem internet Wi-Fi gratuita aos passageiros durante a viagem. Agora, a proposta segue para sanção ou veto do prefeito Rogério Lins (Podemos).

publicidade

A proposta foi apresentada pelo vereador Alex da Academia (PDT). Se sancionado, de acordo com o projeto, as empresas de ônibus teriam o prazo de um ano após a aprovação do projeto para disponibilizarem internet via Wi-Fi aos passageiros em metade da frota e 18 meses para se adequarem completamente à regra.

“A oferta de acesso gratuito à internet sem fio é uma ferramenta extremamente importante, que proporcionará uma maior conectividade em tempo integral, representando um atrativo para o uso do transporte público”, justifica o autor da proposta.

publicidade

“A finalidade primordial da proposta é promover a inclusão digital, possibilitando a universalização do acesso à informação e a interação com os serviços públicos em geral”, completa Alex da Academia.

publicidade

Comentários