Governo quer conhecer Black Blocs, diz ministro

0

Na última terça-feira, 29, o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, disse que o governo irá buscar um diagnóstico mais abrangente sobre o movimento denominado Black Block, para que as ações contra o vandalismo sejam mais eficazes.

publicidade

“Estamos em diálogo com a polícia, com as autoridades dos estados e também com a sociedade, com os movimentos juvenis, buscando ter rapidamente esse diagnóstico porque a simples criminalização imediata não vai resolver”, disse Carvalho.

O ministro afirmou ainda que a atuação da polícia deve ser em combate à destruição, e também devem tomar maior conhecimento sobre o grupo. Segundo ele, uma das dificuldades é a ausência de interlocutores para dialogar com o governo.

publicidade

“A linguagem aparente, insisto, aparente, é muito da destruição, da negação. Agora nós precisamos de alguma forma ter alguma ponte. Estamos buscando com muita força esse diálogo para que consigamos achar uma saída eficaz porque a repressão é necessária, mas só reprimindo não vamos resolver na profundidade o problema”, disse.

Carvalho concorda com a afirmação de algumas pessoas sobre a população ter ficado, de certa forma, “refém” do movimento. “O próprio esvaziamento das manifestações mostrou isso. A população começou a recuar frente à violência”, disse. “O que nós queremos é impedir a violência, mas, ao mesmo tempo, ir à raiz do problema para entender essa questão e tomar medidas que resolvam”.

publicidade

Com Agência Brasil

Comentários