O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN)
O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN)

Em transição de governo, o prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN) exonerou nesta terça, 10, um total de 183 funcionários de cargos comissionados na administração municipal. As exonerações foram publicadas na última edição da Imprensa Oficial do município.

publicidade

Também foram oficializadas 21 nomeações para cargos em comissão.

Entre elas e de mais três secretários municipais. São eles o ex-vereador Délbio Teruel para a Secretaria de Esportes, Dulce Helena Cazzuni, para a pasta de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão, e Marco Antonio Vilela dos Santos em Habitação e Desenvolvimento Urbano.

publicidade

Cultura 

Além disso, Paulo José Santos Magalhães foi nomeado secretário adjunto de Cultura, pasta que tem uma forte disputa pelo cargo de secretário, que tem mobilizado internautas da cidade.

publicidade
Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. Estamos há mais de dois anos sem repasse da inflação, sem aumento real, com nossas letras atrasadas, isso dá no mínimo uns trinta pôr cento de defazagem no nosso salário, sem contar que os nossos benefícios são calculados pelo piso que é menos que o minimo que no ano passado era de 880 reais e o piso da era de 770, imaginem agora, que o minimo passou para 937 reais.E tem mais, estamos com as nossas atrasadas também, a do ano passado nao foram incorporadas quer dizer,mais defazagem ainda e o nosso discidio é só em maio, são cinco ou seis meses sem nada de reparação de perda, enquanto que um comicionado ganha no mínimo dois mil reais pôr mês.Eu espero que o prefeito repare essa injustiça.

  2. Funcionários fantasmas nunca mais, né não, prefeito ? Agora é hora, em tempos de crise de justiça, de cortar gastos e mostrar ao Ministério Público moralismo e ética com o bem público.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui