Início Cidades Barueri Osasco, Barueri e região investiram mais de R$ 276 milhões no enfrentamento...

Osasco, Barueri e região investiram mais de R$ 276 milhões no enfrentamento da covid-19

0
Marcelo Deck

Os municípios de Osasco, Barueri, Carapicuíba e região declararam investimentos devido a Covid-19 que chegam a R$ 276,54 milhões em 2021. Os números fazem parte da última atualização do “Painel de Enfrentamento da COVID-19” do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), com base em informações colhidas junto aos órgãos fiscalizados pelo Tribunal, e leva em consideração os valores oriundos de repasses dos Governos Estadual e Federal, além dos recursos próprios de cada município.

publicidade

O Tribunal comparou, com base nas declarações de cada município, o impacto no orçamento de cada cidade que as despesas com a gestão da Covid-19 tiveram.

A cidade que mais destinou recursos, em números absolutos, foi Osasco, que declarou despesas de R$ 124,98 milhões em 2021, sendo R$ 26,41 milhões proveniente de repasses dos governos estadual e federal. Esses valores correspondem a 3,75% da receita do município naquele ano (cerca de R$ 2.983,10 por cada caso confirmado da doença).

publicidade

Já a cidade que mais gastou por cada caso foi Barueri. Com despesas atingindo R$ 89,16 milhões, sendo R$ 30,95 milhões de repasses. O município declarou ter gasto R$ 3.445,50 por cada paciente com Covid.

Veja abaixo o uso de recursos por cidade no enfrentamento da Covid:

Osasco: R$ 124,98 milhões (3,75% da receita de 2021, de R$ 3,33 bi);

publicidade

Barueri: R$ 89,16 milhões (2,16% da receita de 2021, de R$ 4,13 bi);

Carapicuíba:R$ 8,70 milhões (1,19% da receita de 2021, de R$ 730,49 mi);

Cotia: R$ 25,25 milhões (2,29% da receita de 2021, de R$ 1,10 bi);

Itapevi: R$ 12,17 milhões (1,53% da receita de 2021, de R$ 797,68 mi);

Jandira: R$ R$ 6,07 milhões (1,62% da receita de 2021, de R$ 375,49 mi);

Santana de Parnaíba: R$ 10,21 milhões (0,83% da receita de 2021, de R$ 1,23 bi).

Recursos em 2022

O Tribunal de Contas também já calculou o quanto os municípios destinaram ao enfrentamento da Covid de janeiro a março de 2022. As cidades da região, somadas, já usaram cerca de R$ 30.683 milhões para combater a pandemia.

Barueri sai na frente, com R$ 16,51 milhões em 2022 dos R$ 1,12 bi que já arrecadou esse ano. As despesas, até o momento, representam 1,47% da receita do município, ou R$ 2.349,18 por caso confirmado no ano.

Osasco vem logo atrás, tendo declarado ao Tribunal gastos da ordem de R$ 10,88 milhões nesse ano. A cidade já arrecadou R$ 1,02 bilhões até março e as despesas com a Covid correspondem a 1,07% da receita do município.

Já Carapicuíba declarou ter gasto R$ 680,00 mil até o mês passado, quando registrou arrecadação acumulada do ano de R$ 196,44 milhões. O gasto representa 0,35% da receita do município até agora.

Comentários