Para diminuir roubos com motos, projeto cria cadastro para motoboys em Osasco

Para diminuir roubos com motos, projeto cria cadastro para motoboys em Osasco

13
Compartilhar
Reportagem da TV Record mostra casos de roubos cometidos por assaltantes de moto no Jardim Novo Osasco / Foto: reprodução/R7

Está em tramitação na Câmara de Osasco o projeto de lei 308/2017, que estabelece a criação de cadastro para motociclista entregador no município. O objetivo é coibir os roubos nos quais os assaltantes utilizam motos para a prática de crimes, diz o autor da proposta, Josias da Juco (PSD).

Publicidade

De acordo com o projeto, os profissionais autônomos que exercem a atividade de entregador utilizando-se de motocicletas serão cadastrados pelos estabelecimentos, a fim de conter informações do trabalhador em seu banco de dados.

Entre as informações do cadastro estariam endereço, RG, CPF, CNH, além de foto 3×4.

O projeto determina ainda que as mochilas, baús ou similares, ferramentas de trabalho dos entregadores deverão adotar adesivos refletivos contendo o número de cadastro do trabalhador, bem como logotipo, endereço e telefone do estabelecimento comercial onde o mesmo presta seus serviços.

A proposta “visa a maior credibilidade aos serviços prestados pelos profissionais de entrega, como também coibir o alto índice de roubos, furtos e assaltos realizados pelos motoqueiros disfarçados de entregadores, garantindo assim, mais segurança aos munícipes que transitam na cidade de Osasco”, destaca Josias da Juco na Justificativa da proposta.

Publicidade

Além disso, completa o vereador, outro objetivo é facilitar o trabalho de autoridades da segurança pública no combate a este tipo de crime.

Para virar lei, o projeto precisa ser aprovado pelos vereadores e sancionado pelo prefeito.

Compartilhar

Comentários