Você concorda com a internação compulsória de usuários de crack?

0

Acho que é uma alternativa. Essas pessoas não têm consciência do que estão fazendo, acho que será bom para eles.
Marinalva Mendes, 43 anos, diarista, Osasco

publicidade

Não sei se é a melhor opção, só o tempo vai dizer se isso vai funcionar mesmo. Eu não acredito muito.
Ricardo de Oliveira, 34 anos, técnico de enfermagem, Carapicuíba

Depende de como essas pessoas serão tratadas após a internação. A gente só sabe que eles serão internados, não sabemos como será esse tratamento nem nada sobre isso.
Renato Gomes, 38 anos, professor, Osasco

publicidade

Sou contra, só quem tem o direito de fazer isso é a família, porque ela que convive com a pessoa, que sabe o que se passa.
Mirian Fernandes, 26 anos, atriz, Osasco

Não sei exatamente como funciona essa internação. A princípio parece que é bom, mas ao mesmo tempo dá a impressão de que eles serão reprimidos.
Everaldo Martins, 30 anos, operador de sistemas, Carapicuíba

publicidade

Sou a favor se a pessoa quiser ir para a internação. Se for à força, não.
Mônica Ferreira dos Santos, 26 anos, vendedora, Barueri

Sou a favor. Nunca tive contato com usuários de crack, mas sei que eles ficam totalmente fora de si, perdem o juízo. Acho que devem ser internados.
Bruna Azevedo, 25 anos, atendente, Barueri

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSociedade em visão
Próximo artigoBairros afastados do Centro poderão ganhar Zona Azul