Beneficiários do auxílio emergencial podem pagar compras pelo celular

0
auxílio emergencial
Inicialmente, a novidade estará disponível nos estabelecimentos com maquininhas da bandeira Elo / Foto: Marcello Casal / Agência Brasil

A partir desta sexta-feira (29), os beneficiários do auxílio emergencial poderão pagar compras em cerca de 3 milhões de estabelecimentos comerciais em todo o país por meio do celular. A Caixa Econômica Federal está liberando uma atualização do aplicativo “Caixa Tem” que permite o pagamento por meio de código QR.

publicidade

A novidade estará disponível nos estabelecimentos com maquininhas da bandeira Elo. A Caixa informou que maquininhas de outras bandeiras poderão aderir livremente à novidade.

O presidente do banco, Pedro Guimarães, disse que a grande vantagem da ferramenta consiste em diminuir a necessidade de saques em espécie do auxílio emergencial, reduzindo as filas nas agências. “Não precisa sacar. Basta movimentar o dinheiro de forma digital para fazer as compras”, declarou.

publicidade

Passo a passo

Primeiramente, o usuário poderá acessar o aplicativo Caixa Tem, usado para movimentar as contas poupança digitais criadas pelo banco, e escolher a opção pagar na maquininha. Em seguida, a câmera do celular automaticamente abrirá. O usuário deverá apontá-la para o código QR que aparecerá na maquininha, conferir o valor da compra a apertar o botão confirmar na tela do celular.

Em seguida, a maquininha do cartão imprimirá o recibo dizendo que a compra foi efetuada. Uma via ficará com o estabelecimento. O cliente só pega a via dele se quiser. Isso porque o aplicativo Caixa Tem armazenará cada compra, permitindo a conferência do saldo.

publicidade

O processo ajudará no combate à pandemia de coronavírus, à medida que o beneficiário do auxílio emergencial não precisará tocar na maquininha nem digitar senhas.

A Caixa começou a liberar na quinta a atualização do aplicativo Caixa Tem para celulares com o sistema Android. Para celulares da Apple, com o sistema iOS, a atualização que permite o pagamento com código QR será liberada até sábado (30).

Agência Brasil

Comentários