Jovem é morto por comerciante e filhos por dívida de R$ 200 da namorada com o ex, em Osasco

1
pm osasco
Imagem ilustrativa/ divulgação

Um comerciante e três filhos são acusados do assassinato de um jovem de 17 anos no Jardim Veloso, em Osasco, há cerca de cinco meses. O pai e dois dos filhos foram presos nesta quinta (17), pela Polícia Civil. O crime teria sido motivado por uma dívida de R$ 200 da namorada da vítima com o ex-namorado dela, um dos filhos do comerciante.

publicidade

O jovem foi baleado na noite de 10 de abril, rua Veneza, Jardim Veloso e não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública, na mesma noite, os amigos dele, dois rapazes com 18 e 21 anos, também foram atingidos. Na ocasião, a namorada da vítima correu e conseguiu escapar sem ser ferida.

Ela foi ouvida pela polícia e contou ter tido um relacionamento com um dos filhos do comerciante, de 19 anos. Segundo a testemunha, depois do fim do namoro, ela ficou devendo R$ 200 ao ex. No dia do crime, a família teria ido ao local para se vingar da moça pela dívida.

publicidade

Segundo apurado, os envolvidos encontraram a garota com o atual namorado e com os amigos. Além do filho caçula, o pai, de 45 anos, foi acompanhado dos outros dois filhos, de 25 e 24 anos. Após o assassinato e dupla tentativa, nenhum dos quatro acusados foi localizado pela polícia.

Os autores foram denunciados pelo Ministério Públicos e tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça. Após trabalho de investigação, as equipes da Divisão de Capturas, do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope) conseguiram identificar o paradeiro do grupo.

publicidade

Primeiro, os agentes localizaram um dos procurados e, depois, o pai e os outros dois filhos, foram encontrados em dois endereços distintos – todos na cidade de Osasco.

Comentários