Lins decide abonar falta de servidores que participaram de manifestação contra reformas de Temer

0
Manifestação contra as reformas da Previdência e trabalhista dia 15, na Avenida Paulista / Foto: Ricardo Stucker / Instituto

O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN), decidiu abonar a falta ao serviço dos servidores do município que participaram do “Dia Nacional de Lutas” contra as reformas da Previdência e trabalhista, propostas pelo governo de Michel Temer.

publicidade

“Caberá às secretarias ou órgãos municipais que tiveram servidores participantes do movimento (…) atestar a lista de servidores e funcionários fornecida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Serviços Públicos de Osasco e Região (SINTRASP)”, diz o decreto 11.478, de 29 de maio.

publicidade

Comentários