Reforçado, Osasco Audax vai estrear no Paulistão contra o São Paulo em Barueri

0
Osasquenque do Jardim Conceição, Rafinha retorna ao país após oito anos no futebol asiático / Foto: Divulgação

O palco da estreia do Osasco Audax no Paulistão, contra o São Paulo, na estreia oficial do “Mito” Rogério Ceni como técnico, foi alterado. A partida, que seria no estádio do Rochdale, vai acontecer na Arena Barueri, dia 5 de fevereiro, em horário ainda não definido.

publicidade

A direção do clube osasquense afirma que foi feita a alteração devido ao campo da cidade vizinha ter capacidade maior de público, 32 mil pessoas (ante cerca de 15 mil da casa osasquense).

Nos preparativos para o Paulistão, o Audax recebeu mais reforços nesta virada de ano. O meia Léo Cereja, emprestado pela Ponte Preta foi o último reforço anunciado.

publicidade

Ele se junta a uma lista que inclui nomes como o veterano volante Magal, de 36 anos, que tem passagens por clubes como Ponte Preta, Figueirense e Vitória; o atacante Rafinha, de 29 anos, que retorna ao país após oito anos no futebol asiático; e o volante Diego Lorenzi, que disputou a Série B pelo Sampaio Corrêa e tinha propostas do futebol europeu.

Nascido em Osasco e criado no Jardim Conceição, Rafinha está empolgado para balançar as redes pelo time da cidade. “Com o Fernando Diniz não tem essa de ficar parado e esperar a bola, precisa se movimentar o tempo inteiro. Meu estilo de jogo é fazer gol e vou correr atrás disso para ficar conhecido na minha cidade e no mundo inteiro”, declarou.

publicidade

Na quarta-feira, 11, o Osasco Audax ficou no empate sem gols com o Nacional em jogo treino realizado na Vila Yolanda.

Comentários