Assembleia Legislativa terá três novas caras da região

0

A região continuará com oito deputados estaduais na Assembleia Legislativa a partir do ano que vem. Entre eles, cinco foram reeleitos e três vão para o primeiro mandato.
Recordista de votos entre os candidatos da região, com 151.407, Analice Fernandes (PSDB), esposa do prefeito de Taboão da Serra, Fernando Fernandes, foi reeleita, assim como Marcos Neves (PV), de Carapicuíba, os osasquenses Marcos Martins (PT) e Celso Giglio (PSDB) e Geraldo Cruz (PT), de Embu das Artes.

publicidade

Entre os “novatos” eleitos, o mais votado foi Gil Lancaster (DEM), que teve forte apoio do prefeito de Barueri Gil Arantes (DEM), com 107.841 votos. Também vão para o primeiro mandato Marcio Camargo (PSC), irmão do prefeito de Cotia, Carlão Camargo (PSDB), e o ex-vereador itapeviense Igor Soares (PTN).
Entre os oito eleitos pela região, apenas os petistas Marcos Martins e Geraldo Cruz são nomes certos na oposição ao governador reeleito Geraldo Alckmin (PSDB).

dep

publicidade

Marcos Martins aumenta votação e Giglio diminui

Dos cinco deputados estaduais com base eleitoral na região reeleitos, três aumentaram suas votações com relação às eleições de 2010.
Entre os dois parlamentares de Osasco, o petista Marcos Martins teve votação 4,67% maior, subindo de 80.131 para 83.879, enquanto Celso Giglio (PSDB) viu seus votos caírem expressivos 16,2%, com queda de 91.289 para 76.471.
O tucano vem de desgaste nas eleições municipais de 2012, quando concorreu à Prefeitura osasquense e teve seus votos considerados nulos devido a problemas com a Justiça Eleitoral.
O carapicuibano Marcos Neves (PV) viu sua votação ter uma alta de 93,3%, indo de 54.759 no pleito de 2010 para 105.849.
Com o PT de Embu das Artes rachado entre a reeleição de Geraldo Cruz e o vereador João Leite, “Geraldinho”, como é conhecido, teve os votos reduzidos a menos da metade. A queda na votação do petista foi de 54,2% (baixou de 131.206 em 2010 para 60.103 nesta eleição). Leite, que não foi eleito, teve 58.169 votos.
Analice Fernandes, que teve o marido, Fernando Fernandes (PSDB), eleito prefeito de Taboão da Serra em 2012, aumentou sua votação em 21%, saltando de 125.116 no pleito anterior para 151.407.

publicidade

Desempenho dos deputados estaduais reeleitos da região com relação às eleições de 2010

Candidato / aumento ou queda em %
Marcos Neves (PV) / + 93,3%
Analice Fernandes (PSDB) / + 21%
Marcos Martins (PT) / + 4,67%
Celso Giglio (PSDB) / – 16,2%
Geraldo Cruz (PT) / – 54,2%

Ex-prefeito de Itapevi e ex-presidentes de Câmaras ficaram de fora
Ex-prefeito de Itapevi e ex-presidentes de Câmaras ficaram de fora

João Caramez, Vergínio e Isac Reis não são reeleitos

Três nomes tradicionais da política na região não foram reeleitos: o ex-prefeito de Itapevi, João Caramez (PSDB), o ex-presidente da Câmara de Osasco, Osvaldo Vergínio (PSD), e o ex-presidente da Câmara de Carpicuíba, Isac Reis (PT).
O itapeviense teve 75.864 votos, uma queda de 23,1% com relação às eleições de 2010, e ficou como suplente na coligação tucana.
Vergínio perdeu mais de 18 mil votos e ficou com 46.116, na segunda suplência na coligação do PSD.
Já o petista, que concorreu com pendências a serem julgadas pela Justiça Eleitoral, viu seus votos se reduzirem a menos da metade, baixando de 100 mil para 47 mil.

Os mais votados a deputado estadual por cidade

OSASCO
Celso Giglio (PSDB)* – 55.001 (15,11%)
Marcos Martins (PT)* – 37.961 (10,43%)
Toniolo (PCdoB) – 25.418 (6,98%)
Osvaldo Vergínio (PSD) – 21.028 (5.78%)
Ana Paula Rossi (PR) – 20.942 (5,75%)

BARUERI
Gil Lancaster (DEM)* – 37.163 (23,59%)
Carlos Zicardi (PMDB) – 19.407 (12,32%)
Allan Miranda (PSDB) – 12.459 (7,91%)
Cilene Bittencourt (PSC) – 5.720 (3,63%)
Gilmaci Santos (PRB)* – 3.059 (1,94%)

CARAPICUÍBA
Marcos Neves (PSC)* – 67.236 (41,24%)
Professora Sônia (SDD) – 21.134 (12,95%)
Fuad Chucre (PSDB) – 7.089 (4,34%)
Gilmaci Santos (PRB)* – 3.159 (1,93%)
Gil Lancaster (DEM)* – 2.144 (1,29%)

COTIA
Marcio Camargo (PSC)* – 28.847 (29,60%)
Guidinho (PSDC) – 5.380 (5,52%)
Fernando Capez (PSDB)* – 2.651 (2,72%)
Gilmaci Santos (PRB)* – 2.583 (2,65%)
Rui Gomes (PEN) – 2.429 (2,49%)

EMBU DAS ARTES
Geraldo Cruz (PT)* – 32.731 (28,79%)
João Leite (PT) – 14.711 (12,94%)
Analice Fernandes (PSDB)* – 14.460 (12,72%)
Gilmaci Santos (PRB)* – 2.219 (1,95%)
Kazu (PSB) – 1.840 (1,62%)

ITAPEVI
Igor Soares (PTN)* – 28.387 (29,6%)
João Caramez (PSDB) – 16.321 (17,02%)
Gil Lancaster (DEM)* – 5.758 (6%)
Marcos Neves (PV)* – 5.463 (5,7%)
Gilmaci Santos (PRB)* – 2.076 (2,16%)

JANDIRA
Gil Lancaster (DEM)* – 4.263 (9,15%)
João Caramez (PSDB) – 4.167 (8,94%)
Igor Soares (PTN)* – 3.650 (7,83%)
Regina Gonçalves (PV) – 2.429 (5,21%)
Carlos Zicardi (PMDB) – 2.038 (4,37%)

PIRAPORA DO BOM JESUS
Marcos Neves (PV)* – 3.173 (40,69%)
Gil Lancaster (DEM)* – 1.121 (14,38%)
Ademilson Marceneiro (PSOL) – 684 (8,77%)
Campos Machado (PTB)* – 336 (4,31%)
Professora Sonia (SDD) – 238 (3%)

SANTANA DE PARNAÍBA
Marcio Camargo (PSC)* – 4.662 (9,37%)
Gil Lancaster (DEM)* – 3.981 (8%)
Carlos Zicardi (PMDB) – 1.284 (2,58%)
Pedro Tobias (PSDB)* – 1.019 (2,05%)
Campos Machado (PTB)* – 971 (1,95%)

* Eleito ou reeleito

 

Comentários