Opinião: Você se sente representado?

Opinião: Você se sente representado?

0
Compartilhar

Por Bruno Sindona*

Quase todas as vezes que faço essa pergunta, me respondem que não. E devolvo: Se ninguém te representa por que não se candidata?

A verdadeira função do Poder Legislativo é representar a população em suas mais diversas formas, o que infelizmente sabemos que não acontece. Ao olhar para as Câmaras Municipais, para usar como exemplo o que é mais próximo, não consigo enxergar ali nossa sociedade. Vejo muitos iguais e poucos diferentes. Não vejo as mulheres representadas, não vejo as minorias representadas, não vejo as classes produtivas representadas.

Muitos sequer têm coragem de levantar uma bandeira, coragem de ter consistência em suas opiniões. Navegam ao sabor do vento, sem direção, apenas com a vontade de ali permanecer em uma batalha constante pela reeleição, que muitas vezes também não conseguem.

Não conseguem porque é preciso ter opinião para gerar conexão com o povo. É preciso ter ideais e valores parecidos com a sociedade, com o grupo que se pretende representar. Há de ter verdade! De ter vontade! A política precisa de indignados e sonhadores.

Não podemos deixar mais tempo passar, não podemos esperar salvadores da pátria que nunca irão chegar. A sociedade é sua própria esperança. Temos que nos representar, 52% da população brasileira é mulher, 43% é negra, mulata ou mestiça, 40% é jovem. Não vejo esse povo legislando, não vejo o Brasil se reconhecendo e se representando.

Se você não se sente representado, Não se acanhe! Se você tem um propósito, vá em frente! Grite! Lute! Se candidate!

Bruno Sindona é CEO da Sindona Incorporadora
*Bruno Sindona é CEO da Sindona Incorporadora
Compartilhar

Comentários