“Temos que entrar no Paulistão pensando grande”

0
O técnico do Grêmio Osasco Audax, Fernando Diniz / Foto: Eduardo Metroviche

Leandro Conceição

publicidade

Começa neste sábado, 18, a saga do primeiro clube a representar Osasco na Série A1 do Campeonato Paulista. O Grêmio Osasco Audax estreia contra o Paulista, em Jundiaí, às 17h.
O técnico Fernando Diniz evita cravar uma projeção para o clube na competição, mas garante que são ambiciosas: “A expectativa é sempre ganhar o próximo jogo. Temos que entrar no campeonato pensando grande”, disse, na apresentação do elenco e do uniforme do clube, na quarta-feira, 15.

A expectativa é de que a equipe jogue ofensivamente, com um esquema tático baseado no 3-4-3. “A plataforma de jogo, numa plataforma estática, seria o 3-4-3. Mas a dinâmica do jogo é mais importante. A equipe tem uma maneira peculiar de jogar, uma maneira dinâmica de ocupar os espaços em campo, tanto para atacar quanto para defender. Por isso, existe uma circularidade grande entre os jogadores”, explica Diniz.
O comandante se esquivou de comentar sobre a equipe que vai a campo na estreia. “O time titular está sempre em aberto, todos os que estão no time têm condições de serem titulares”.

publicidade

IMG_5259O técnico
Fernando Diniz, de 39 anos, está no Audax há um ano. Comandou o time na conquista do acesso da Série A2 para a elite estadual e no vice-campeonato da última Copa Paulista.
Ele começou a carreira como treinador em 2009 e tem passagens por equipes do interior paulista, como Votoraty e Paulista, com os quais venceu a Copa Paulista, e Atlético Sorocaba. Como jogador, o ex-meia atacante teve passagens por grandes clubes, como Palmeiras, Corinthians, Santos, Flamengo Fluminense e Cruzeiro.

Osasco só no nome?
Comprado pelo dono do Grêmio Osasco no ano passado, o Grêmio Osasco Audax pode ter, pelo menos no início do Paulistão, sua relação com a cidade só no nome.
Isso porque a Federação Paulistão ainda não liberou o estádio do Rochdale para receber jogos da A1. Até a tarde desta quinta-feira, 16, os jogos do Audax como mandante estavam agendados para estádios da Capital, como o Pacaembu e o campo do Nacional. A diretoria diz que o Rochdalão deve ser liberado nos próximos dias.
Além disso, o clube continua treinando no seu centro de treinamento em São Paulo, e não no CT do Jardim Cipava, como faz o Grêmio Osasco, que vai disputar a Série A2.

publicidade

IMG_5229Time jovem
O Audax é um time jovem. A maioria dos atletas tem menos de 24 anos. “É um time jovem, mas com um potencial enorme”, afirma o treinador.
Entre os destaques do elenco, os volantes Nenê Bonilha, de 21 anos, e Camacho (foto), emprestados por Corinthians e Flamengo respectivamente até o fim do Paulistão.
O técnico Fernando Diniz deve aproveitar jovens talentos utilizados pelo Audax ou pelo Grêmio Osasco na Copa São Paulo de Futebol Júnior, mas ainda não cita nomes.

Série D do Brasileiro
A expectativa do Grêmio Osasco Audax em fazer uma boa campanha no Paulistão vai além do estadual. O clube almeja garantir uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro, garantida pelos dois melhores clubes do Paulistão que não disputam nenhuma outra divisão do Nacional.

Paulistão – 1ª rodada

Sábado, 18
Palmeiras x Linense (17h)
Paulista x GRÊMIO OSASCO AUDAX (17h)
Santos x XV de Piracicaba (18h30)
Domingo
Portuguesa x Corinthians (17h)
Bragantino x São Paulo (17h)

IMG_5311

Comentários