13º salário e adicional de férias para vereadores de Osasco deve ser votado amanhã

0
Foto: Guilherme Moura

Promete ser tumultuada a sessão desta terça-feira, 28, na Câmara Municipal de Osasco. Isso porque ela deve ter a votação do projeto que libera o pagamento de 13º e adicional de férias aos 21 vereadores da cidade.

publicidade

Como cada parlamentar ganha R$ 15 mil por mês, o impacto da medida por ano aos cofres públicos ultrapassaria R$ 400 mil. Nas redes sociais, milhares de osasquenses se manifestaram contra a proposta. Grupos prometem ir à Câmara protestar.

LEIA TAMBÉM:
“13º é um direito de todo trabalhador”, dizem vereadores de Osasco sobre projeto polêmico
Ribamar Silva se recusa a comentar sobre 13º salário de R$ 15 mil para vereadores de Osasco
“Em todo o Brasil isso aí vai pegar”, diz Pelé da Cândida sobre o 13° para vereadores de Osasco

publicidade

A aprovação do 13º e adicional de férias para vereadores tem aval do Supremo Tribunal Federal, que autorizou o pagamento do benefício aos parlamentares em decisão no início do ano. Para isso, cada município precisa estabelecer sua legislação sobre o tema.

A primeira Câmara Municipal a aprovar 13º e adicional de férias a vereadores foi a de Itapevi.

publicidade

Comentários