Parnaíba faz folia tradicional e atrai 20 mil foliões

0
Bloco Esquenta do Sambão, um dos que passaram pelo Centro Histórico de Parnaíba
Bloco Esquenta do Sambão, um dos que passaram pelo Centro Histórico de Parnaíba

Bloco Grito da Noite foi um dos que agitou o Carnaval no Centro Histórico
Bloco Grito da Noite foi um dos que agitou o Carnaval no Centro Histórico

publicidade

A tradicional folia de Santana de Parnaíba atraiu mais de 20 mil foliões nos cinco dias de Carnaval, segundo a Prefeitura. O evento contou com escolas de samba e blocos de marchinhas e samba de bumbo.

A abertura oficial do carnaval aconteceu na sexta-feira (08/02), com a noite dos fantasmas, quando diversos foliões se vestem de vampiros, bruxos e outras fantasias fantasmagóricas e seguem animados atrás do grupo mais antigo da cidade: o Grito da Noite. Com o seu samba de bumbo característico, que remete ao período dos escravos, o bloco arrasta todos os anos, milhares de foliões pelas ruas do centro histórico.

publicidade

No segundo dia, sábado (09/02), a festa continuou bastante animada. O primeiro bloco a sair foi o estreante “Esquenta do Sambão”, que tocou ao longo de todo o seu percurso muito samba de bumbo. E em seguida foi a vez do bloco “Samba Pras Moças”, que também participou pela primeira vez do carnaval parnaibano. Como o próprio nome diz, o bloco composto somente por mulheres animou a festa da cidade cantando marchinhas de carnaval.

No domingo (10/02), os foliões puderam conferir as três escolas de samba da cidade, que desfilaram mesmo em baixo de chuva, não atrapalhando em nada a alegria da festa. A primeira a sair no dia foi a estreante Mocidade de São Luiz, que levou para a rua o tema “Do grito da liberdade nasceu nossa morada, com a benção de São Luís, salve mocidade”, composição de Fernando Barreto. Em seguida, foi a vez do Portal da Amizade apresentar todo o seu esplendor com o samba-enredo “É tempo de Esperança. Homenagem aos nossos valentes guerreiros que tanto lutam pelo Portal da Amizade”, composição de Luciana Breve e Rayssa Breve. E por último, quem fechou a festa do dia foi a Unidos de Parnaíba, com o tema “Unidos pinta o sete”, composto por Fabio Pires, Helio Luiz e Michel.

publicidade

Segunda-feira as festividades foram abertas pelo bloco Alegria dos Koroas, que fizeram sua apresentação no coreto da Praça, debaixo de muito sol, o que animou mais ainda os foliões. O bloco apresentou marchinhas tradicionais de carnaval, o que possibilitou que muitos pais trouxessem os filhos pequenos para curtir a folia. Mais tarde foi a vez do bloco Briga de Galo, do instituto Sufrutoverdeus, que percorreu as principais ruas do centro histórico, animando a todos os presentes.

A criançada também se divertiu neste carnaval na matinê, que aconteceu no domingo e na terça-feira, na Praça Quatorze de Novembro. Ao longo de todo o período da tarde, as crianças, com diversas fantasias, brincaram e pularam muito.

Para a secretária de Cultura e Turismo Fátima Muro o objetivo do carnaval deste ano foi resgatar as antigas tradições carnavalescas da cidade e promover uma festa mais familiar, em que pessoas de todas as idades pudessem se divertir. “A nossa avaliação foi muito positiva, pois o resultado veio ao encontro de nossas expectativas. Conseguimos fazer um carnaval solidário, para todas as idades. E o principal reforçar o samba de bumbo e resgatar a tradição das marchinhas de carnaval”, disse a secretária. “O carnaval deste ano serviu para termos uma visão do que pode ser melhorado para 2014. E é claro

que vai haver mudanças para que possamos realizar uma festa ainda melhor”, completou a secretária.

Comentários