TJ-SP concede liberdade a Rogério Lins e vereadores

Leandro Conceição

publicidade

Eleito prefeito de Osasco na eleição deste domingo, 30, com 61,21% dos votos válidos (218.779 votos), Rogério Lins (PTN) diz que uma de suas primeiras ações como chefe do Executivo municipal será buscar medidas para “fazer a máquina pública funcionar melhor”.

“A partir do dia 1º de janeiro [pretendo] investir administrativamente para os serviços da cidade funcionarem melhor. A gente tem que fazer a máquina pública funcionar melhor”, declarou Rogério Lins, em pronunciamento após a confirmação da vitória, na noite deste domingo. “Nós vamos rever todos os contratos da cidade, para a gente não admitir que a cidade tenha contratos que não cumpram um bom preço, prazo e qualidade”, completou.

publicidade

Lins reafirmou que vai buscar diálogo com o atual prefeito, Jorge Lapas, que obteve 38,79% dos votos válidos (138.625 votos) e foi derrotado nas urnas, em busca de uma transição de governo “tranquila”. “É momento de unificar todas as forças políticas por amor a Osasco”, declarou o prefeito eleito.

Após uma campanha marcada por troca de ataques, principalmente no segundo turno, Lins declarou que “não existe mais adversário, é momento de unificar. O que ficou na campanha fica para trás, faço política olhando para a frente, para o futuro”.

publicidade

O eleito declarou ainda que pretende se “aproximar de todas as forças políticas possíveis, da sociedade civil organizada”.

Em busca de ter maioria na Câmara Municipal durante seu mandato, Rogério Lins afirmou que pretende iniciar já esta semana as conversas com os vereadores eleitos. “Essa semana já quero começar a conversar com os vereadores. Não tem como fazer um bom governo sem manter um bom diálogo com a Câmara Municipal”.

Rogério Lins

Casado com Aline Soares Lins, pai de duas meninas, formado em Direito, o prefeito eleito de Osasco, Rogério Lins, de 38 anos, é nascido e criado no município.

Em 2004, foi diretor de Recreação e Lazer na Secretaria de Esportes. Em 2008, tornou-se o vereador mais jovem da cidade, sendo reeleito em 2012 com uma das maiores votações.

Rogério Lins também foi secretário da Indústria, Comércio e Abastecimento. Em 2014, obteve a maior votação para deputado federal em Osasco daquela eleição (41.522 votos no município, de um total de 53.380 votos), tornando-se o primeiro suplente do PTN.

Rogério Lins foi eleito prefeito de Osasco com 218.779 votos
Rogério Lins foi eleito prefeito de Osasco com 218.779 votos

 

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui